Local dos Achados

O Dino Parque, além de uma viagem ao ar livre pelos percursos mais marcantes da história da Terra, onde podemos admirar alguns dos mais fantásticos animais que já existiram, os dinossauros, preza por apresentar também uma exposição museológica de elevada qualidade científica baseada nos achados fósseis da zona da Lourinhã.

A Lourinhã está localizada numa das regiões de Portugal mais ricas em fósseis do Jurássico Superior e numa das 20 regiões mais ricas do mundo para os achados com 150 milhões de anos. Nessa altura situava-se no meio de um enorme vale onde confluía uma rede estuarina com cursos de água que atraíam toda a vida animal incluindo os imponentes dinossauros e os pequenos primeiros mamíferos. Todo esse delta de rio que alimentava essa vida,                                                                                                  também a preservou em processos de fossilização excecionais.

São precisamente esses terrenos que hoje formam a Lourinhã e principalmente as suas arribas junto ao mar que revelam histórias surpreendentes de vida e de geologia.

 

Achados da Lourinhã

A Lourinhã é uma das regiões mais ricas em fósseis de dinossauros da Europa, tendo-se encontrado mais de uma dezena de espécies únicas do mundo. As arribas do Jurássico Superior preservaram centenas de achados com 150 milhões de anos que agora estão expostos no Dino Parque.

Algumas destas espécies estão representadas nos modelos do nosso Parque como o Lourinhasaurus alenquerensis, Lourinhanosaurus antunesi, Torvosaurus gurneyi, Allosaurus europaeus e o Ceratosaurus.

Foi em 1993 na praia de Paimogo que foi descoberto um ninho com mais de 100 ovos de Lourinhanosaurus ainda com os seus embriões, foi a partir desta data que a Lourinhã ficou conhecida com a Capital dos Dinossauros.

 

Fósseis

Os fósseis da Lourinhã são muito mais do que simplesmente ossos, eles são provas de uma vida há muito desaparecida, mas que ainda hoje encontramos vestígios noutros animais que evoluíram.

E os fósseis não se limitam a ossos, a Lourinhã também é rica em icnofósseis – restos de atividades dos animais. A região é também conhecida por pegadas gigantes, pegadas com pele, trilhos de pterossauros, pedras estomacais, os gastrólitos descobertos em herbívoros e carnívoros, e os mais famosos fósseis da Lourinhã: os                                                                                                                ovos com ossos de embrião intactos!

 

 

Ovos, ninhos e cascas

Os ovos, sendo umas das estruturas mais frágeis produzidas por um animal, são dos vestígios mais difíceis de preservar e um dos achados fósseis mais raros. É precisamente na Lourinhã que encontramos não um, mas diversos locais de postura destes magníficos animais que eram os dinossauros.

Em 1993 foi encontrado o que seria na altura um dos maiores ninhos de dinossauros do Jurássico e, ainda por cima, o que continha alguns dos mais antigos ossos de embrião do mundo! Eram ovos de Lourinhanosaurus e é precisamente parte deste ninho que podemos ver na exposição. Vinte anos depois, em 2013, outros ovos são descobertos com embriões, desta vez de Torvosaurus gurneyi, o maior predador terrestre do Jurássico! Estes ovos, e a sua história, estão preparados para serem descobertos na exposição do Dino Parque.

 

Exposição

Na exposição no espaço museológico do Dino Parque estão os achados mais recentes da Lourinhã, nas últimas décadas, incluindo a maioria das novas espécies descritas para Portugal neste século. A exposição tem a autoridade científica do Museu da Lourinhã, detentor deste que é um dos patrimónios paleontológicos mais ricos de Portugal.

A exposição tenta responder a duas questões:

“Porquê estes achados na Lourinhã?” 

“O que é que estes fósseis têm de especial?”.

 

Numa viagem pelos diversos ecossistemas, que existiram no Jurássico Superior há 150 milhões de anos, levamos o visitante a descobrir a importância mundial destes fósseis. 

 

 

 

 

O espaço museológico no Dino Parque conta com o espólio da Lourinhã, descoberto e estudado nos últimos anos pelos paleontólogos do Museu, e que contribuiu para o reconhecimento dos dinossauros a nível mundial.

MUSEU DA LOURINHà

 
Contactos | Politica de Privacidade
Copyright © 2017 All rights reserved by PDL - Parque dos Dinossauros da Lourinhã, Unip.Lda.